R$399.90

PROJECTION MODEL 30 e 40 YEARS - 1975 - 2015
COPERSUCAR FITTIPALDI FD30 ( COMEMORATIVO 30 ANOS PRATA )
COPERSUCAR FITTIPALDI FD40 ( COMEMORATIVO 40 ANOS AMARELA )

- Preço de cada miniatura R$ 399,90
- Preço Especial SET ( com duas miniaturas - FD30 e FD40 ) R$ 699,90

Série limitada com pouquíssimas miniaturas produzidas em homenagem para - `Team F1 Copersucar / Skol / Fittipaldi´, com destaque especial para o Wilson Fittipaldi e Emerson Fittipaldi, que tanto empreenderam no Automobilismo Brasileiro

- Miniatura em metal e Resina PU com pó de alumínio e com partes em zamak, e plástico.
- Detalhes exclusivos produzidos em photoetchd e metal zamak, com reprodução do layout da época, com tinta original automotiva.
- Reprodução do cockpit, instrumentos e Santo Antonio em alumínio.
- Série exclusiva 1/43 limitada ( somente 9 peças produzidas ) Comemorativa> `Grandes Equipes e Campeões Brasileiros
- Embalagem de acrílico luxo com foto translúcida, e réplica com a figura do piloto.


Não é miniatura Altaya, ou IXO, ou Automodelli, ou Minichamps, ou Spark... Modelo exclusivo e inédito desenvolvido e produzido pela VOLAREBRASIL, com projeto HandMade 1/43 em metal e resina PU com o exclusivo processo de pó de alumínio

SÉRIE LIMITADA COM POUQUÍSSIMAS MINIATURAS PRODUZIDAS EM HOMENAGEM - AUTOMOBILISMO BRASILEIRO / GRANDES EQUIPES E PILOTOS.

IMPERDÍVEL !

REVISTA COLECIONISMO BR
A Mais Nova Tradição No Colecionismo Brasileiro
https://www.facebook.com/revistacolecionismobr


O Time Fittipaldi, conhecido como Copersucar Fittipaldi e de Skol Fittipaldi, foi fundada em 1974 pelo Wilson Fittipaldi (depois entrou o Emerson ). Participou de 104 grandes prêmios. Sua estréia ocorreu no GP da Argentina de 1975, com Wilson Fittipaldi Jr.
Após trinta anos de sua apresentação oficial em Brasília, em 16/10/74 o modelo FD-01, o Copersucar pilotado pelo Wilson - primeiro carro brasileiro a disputar uma prova de Fórmula-1 - voltou em 10/11/04 a Interlagos totalmente restaurado.

O começo dos anos 70, havia um clima muito bom na F-1, e o Emerson havia sido bicampeão mundial. A euforia contagiou a família Fittipaldi e o sonho de construir a primeira equipe brasileira de F-1, de Wilson, saiu do papel. Foram gastos oitocentos mil dólares para construção do primeiro carro, na oficina dos Fittipaldi, em Interlagos.
Na sua história, a Copersucar teve diversos pilotos como Ingo Hoffmann, Chico Serra e até ajudou a formar um campeão mundial, o finlandês Keke Rosberg, que defendeu a equipe em 1980.

A equipe fechou em 1982, de uma forma melancólica (a Skol foi comprada por outra cervejaria, que não honrou o contrato, dai...). Os irmãos Fittipaldi deixaram os carros de lado e não quiseram mais mexer. O modelo FD-01 ficou guardando em um galpão na fazenda da família em Araraquara, interior de São Paulo (ainda há 3 carcaças e inúmeras peças destes F1 aguardando restauro). Além de deixarem a equipe de lado, restou uma dívida de sete milhões de dólares.

Aos que teimam em lembrar da Copersucar, depois Fittipaldi, como um capítulo risível da história da F-1, alguns números são esclarecedores. Na temporada de 1980, por exemplo, o time brasileiro terminou o campeonato com 11 pontos, em oitavo lugar. A Ferrari ficou em décimo, com oito. Dois anos antes, a equipe ficou na frente de McLaren, Williams, Renault e Arrows no Mundial de Construtores.

Emerson Fittipaldi, que juntou-se à Copersucar em 1976, marcou o mesmo número de pontos que Gilles Villeneuve, da Ferrari. Nas oito temporadas que disputou, a Fittipaldi acumulou 44 pontos em 104 GPs. Foram três pódios, o mais comemorado deles em 1978, um segundo lugar de Emerson no Rio. Nenhuma vitória, mas dezenove presenças nos pontos, numa época em que apenas os seis primeiros marcavam.

Nos seus oito anos de vida, a Fittipaldi teve na sua folha de pagamento, além do bicampeão Emerson, o projetista Adrian Newey, ( Red Bull ) e com passagem na Mclaren, Keke Rosberg, que seria campeão pela Williams em 1982, Harvey Postlethwaite, projetista que depois trabalhou na Ferrari e na Tyrrell, e Jo Ramirez, uma espécie de faz-tudo que teve papel importante na logística da McLaren nos anos 80 e 90.

Os pódiuns foram: Segundo lugar de Emerson no GP do Brasil de 78 e dois terceiros lugares: de Keke Rosberg no GP da Argentina e Emerson Fittipaldi, no GP dos EUA, ambos na temporada de 80.

Pesquisa texto ( nosso agradecimento) -
RecantoDasLetras / Plínio Sgarbi.

Reviews
Manufacturers
Quick Find
 
Use keywords to find the product you are looking for.
Advanced Search
0 items
Manufacturer Info
Other products
Share Product
Share via E-Mail
Share on Facebook Share on Twitter
Languages
pt-br English
Somos associados e credenciados - SUTACO _ Subsecretaria do Trabalho Artesanal nas Comunidades SP,sendo legitimado no Artesanato Paulista e reconhecida no território Brasileiro e até no exterior. O nosso trabalho é todo ele artesanal. É produzido exclusivamente por Artesões Modelistas no Brasil, e sempre com série exclusiva e principalmente limitada com pouquíssimas unidades produzidas. O propósito do nosso trabalho é tão só reverenciar e homenagear os grandes Pilotos, Equipes, Colaboradores, Colecionadores, Pesquisadores, Entusiastas... que tanto empreenderam no nosso Automobilismo Brasileiro. O site Volarebrasil, é registrado com nome fantasia,sendo os Artesões intendentes pela produção totalmente artesanal diminuta.


VOLAREBRASIL - RÉPLICAS EM ESCALA 1/400 AERONAVES CLÁSSICAS BRASILEIRAS E MINIATURAS 1/43 DO AUTOMOBILISMO BRASILEIRO.
REVISTA COLECIONISMO BR`` A Mais Nova Tradição No Colecionismo Brasileiro´´.
www.volarebrasil.net.br
www.facebook.com/revistacolecionismobr
volarebrasil@volarebrasil.net.br
.
ATENÇÃO! Ao receber solicitações com o nome/email da VOLAREBRASIL e REVISTA COLECIONISMO BR, com pedidos de pagamento on-line,
solicitações para baixar arquivos, solicitações para links redirecionados...
Informamos que NÃO enviamos e-mails com estas solicitações. São falsas comunicações.